Quão preocupado devo estar com a dor lombar?

Lombalgia pode ser assustador, mas mesmo quando a dor é intensa, ela geralmente desaparece sozinha dentro de algumas semanas. Os casos que requerem cuidados urgentes ou cirurgia são raros.
Você deve consultar o seu médico ou enfermeiro se tiver lombalgia e:

• Houve uma queda ou lesão nas costas recentemente;
• Tem dormência ou fraqueza nas pernas;
• Tem problemas com o controle da bexiga ou intestino;
• Tiver perda de peso inexplicável;
• Tiver febre ou sentir-se mal de outras maneiras;
• Toma remédios esteroides, como a prednisona, regularmente;
• Tem diabetes ou um problema médico que enfraquece seu sistema imunológico;
• Tem histórico de câncer ou osteoporose.
Você também deve consultar um médico se:
• Sua dor nas costas é tão intensa que você não pode executar tarefas simples;
• Sua dor nas costas não começa a melhorar em 4 semanas.

Quais são as partes que compõem as costas?

A parte de trás é composta por:
• Vértebras – Uma pilha de ossos que se assentam uns sobre os outros como uma pilha de moedas. Cada um desses ossos tem um buraco no centro. Quando empilhados, os ossos formam um tubo oco que protege a medula espinhal.
• Discos – os discos ficam entre cada uma das vértebras para adicionar amortecimento e permitir movimento.
• Medula espinhal e nervos – A medula espinhal é a via de nervos que conecta o cérebro ao resto do corpo. Ele atravessa as vértebras dentro do canal medular. Os nervos se ramificam a partir da medula espinhal e passam entre as vértebras. A partir daí, eles se conectam aos braços, pernas e órgãos (é por isso que os problemas nas costas podem causar dor nas
pernas ou problemas na bexiga ou no intestino).
• Músculos, tendões e ligamentos – juntos, os músculos, tendões e ligamentos são chamados de “tecidos moles” das costas. Esses tecidos moles sustentam as costas e ajudam a mantê-lo unido.

O que causa a lombalgia?

Muitas coisas diferentes podem causar dor lombar. Na maioria das vezes, os médicos não sabem a causa exata.
Dor nas costas pode acontecer se você forçar um músculo. Isso é frequentemente o que acontece quando uma pessoa “joga fora” suas costas. Isso se refere à dor que começa subitamente após a atividade física, como levantar algo pesado ou dobrar as costas.

A dor nas costas também pode acontecer se você tiver:
• Discos danificados, protuberantes ou rasgados;
• Artrite que afeta as articulações da coluna vertebral;
• Crescimentos ósseos nas vértebras que aglomeram os nervos próximos;
• Uma vértebra fora do lugar;
• Estreitamento no canal medular;
• Um tumor ou infecção (mas isso é muito raro).

Devo fazer um teste de imagem?

A maioria das pessoas não precisa de um exame de imagem como raio-X, tomografia computadorizada ou ressonância magnética, pois a dor costuma desaparecer em algumas semanas. Os médicos geralmente não solicitam exames de imagem, a menos que haja sinais de algo incomum.
Se o seu médico não solicitar um exame de imagem, não se preocupe. Eles ainda podem aprender muito sobre sua dor apenas olhando e conversando com você.

Como o médico pode dizer o que está errado apenas conversando comigo?

Os seus sintomas dizem muito ao seu médico sobre a causa da sua dor. Por exemplo:
• Se sua dor começou depois que você fez algo específico, como levantar um objeto pesado ou torcer as costas, você pode ter tensionado um músculo.
• Se a dor se espalhar na parte de trás de uma coxa, pode ser um sinal de que um dos nervos que atingem a perna está sendo comprimido por um disco abaulado ou rasgado.
• Se sua dor percorrer as duas pernas, pode ser um sinal de que você tem um canal medular estreitado. Isso geralmente ocorre devido a crescimentos ósseos na coluna.

Como é tratada a dor na lombar?

A maioria das pessoas com um episódio de lombalgia não tem um problema médico sério e pode tentar tratamentos simples, como:
• Permanecer ativo – a melhor coisa a fazer é permanecer o mais ativo possível. Pessoas com dor lombar se recuperam mais rapidamente se permanecerem ativas. Se sua dor for intensa, pode ser necessário descansar por um dia ou 2, mas é importante voltar a andar e a se mover o mais rápido possível. Embora você deva evitar exercícios pesados e esportes enquanto suas costas doem, tente continuar fazendo suas atividades diárias normais.
• Calor – Algumas pessoas acham que é útil usar uma almofada de aquecimento ou um
envoltório aquecido. Tenha cuidado para evitar configurações de calor alto para evitar
queimaduras na pele.
• Medicamentos – Primeiro, você pode experimentar medicamentos para a dor que podem ser adquiridos sem receita médica. Em muitos casos, os médicos sugerem primeiro tentar um medicamento anti-inflamatório não esteroide, ou “AINE”. Os AINEs incluem Ibuprofeno e
Naproxeno. Estes podem funcionar melhor do que o acetaminofeno (Tylenol) para dores nas costas.
Se os medicamentos sem receita médica não ajudarem, informe o seu médico. Em alguns casos, os médicos prescrevem um medicamento para relaxar os músculos (chamado de “relaxante muscular”). Mas lembre-se de que relaxantes musculares geralmente não são usados em pessoas com mais de 65 anos. Em pessoas mais velhas, esses medicamentos podem causar efeitos colaterais, como problemas ao urinar ou confusão.

Tratamentos para ajudar com os sintomas – Alguns tratamentos podem ajudar você a se sentir melhor por um tempo. Eles incluem:

• Manipulação da coluna vertebral – é quando um quiroprático, fisioterapeuta ou outro profissional move ou “ajusta” as articulações das costas. Se você quiser tentar isso, converse com seu médico primeiro.
• Acupuntura – é quando alguém que conhece a medicina tradicional chinesa insere pequenas agulhas no corpo para bloquear os sinais de dor.
• Massagem. Enquanto a dor na lombar geralmente desaparece dentro de algumas semanas, algumas pessoas continuam tendo dor por mais tempo. Nesse caso, tratamentos adicionais podem incluir:
• Autocuidado – envolve estar ciente de sua dor. Enquanto você deve descansar quando precisar, é importante manter-se ativo o máximo que puder. Coisas como aplicar calor e fazer alongamentos suaves também podem ajudá-lo a se sentir melhor.
• Fisioterapia – Um fisioterapeuta é um especialista em exercícios que pode ensinar alongamentos e movimentos para ajudar a fortalecer seus músculos. O objetivo é aliviar a dor, mas também ajudá-lo a voltar às suas atividades normais. Os exercícios que você pode tentar incluem caminhar, nadar ou usar uma bicicleta ergométrica. Algumas pessoas também acham que o Tai Chi ou o yoga podem ajudar com sua dor nas costas. Encontrar atividades que você goste pode ajudá-lo a permanecer ativo.
• Redução do estresse – algumas pessoas acham que é útil tentar algo chamado “redução do estresse com base na atenção plena”. Isso envolve ir a um programa em grupo para praticar relaxamento e meditação. Se sua dor nas costas estiver fazendo você se sentir ansioso ou deprimido, converse com seu médico. Existem outros tratamentos que podem ajudar com
esses problemas.

Algumas pessoas se perguntam se as injeções podem ajudar a aliviar a dor nas costas. Em alguns casos, os médicos podem recomendar uma injeção de medicamento para anestesiar a área ou reduzir o inchaço. Mas isso só provou funcionar em situações específicas.

O que posso fazer para não voltar a sentir dores nas costas?

A melhor coisa que você pode fazer é permanecer ativo. Fazer exercícios para fortalecer e alongar as costas pode ajudar. Você também pode:
• Aprender a levantar usando as pernas em vez das costas;
• Evitar ficar sentado ou em pé na mesma posição por muito tempo.
Ter dor nas costas pode ser frustrante e assustador. Por isso, a SOS em Casa está aqui para te ajudar quando quiser! É só clicar abaixo e iniciar a sua consulta de forma rápida e acessível.

Fonte:https://www.uptodate.com